Cancelar consórcio, conheça implicações

0

Chega um momento em que é preciso apertar o cinto e reduzir as despesas mensais para não entrar no vermelho, e normalmente a parcela de um consórcio não contemplado é a primeira a ser riscada do orçamento. O que acontece quando desistimos de um consórcio?

Se você não pegou o carro ainda é possível deixar de pagar as parcelas sem problemas para cancelar consórcio, não haverá restrição em seu nome. No entanto, o que foi pago só pode ser devolvido dois meses depois da última assembléia do grupo, muitos meses ou anos depois. O saldo continuará no fundo comum recebendo os rendimentos da aplicação financeira, que poderá superar a taxa de administração após 18 meses, e será creditado em conta-corrente ou devolvido por ordem de pagamento juntamente ao fundo reserva.



Quando as finanças melhorarem novamente é possível voltar a participar das assembleias concorrendo nos sorteios ou dar lance, desde que as parcelas atrasadas sejam pagas — algumas administradoras oferecem parcelamento do saldo atrasado junto às parcelas mensais. Ou seja, o saldo devedor é diluído junto às parcelas, que consequentemente ficam maiores por alguns meses.

É importante lembrar que uma cota contemplada tem um veículo alienado, então o atraso nas parcelas gera restrição junto aos órgaos de proteção ao crédito (SPC, Serasa etc) e até mesmo mandato de busca e apreensão. Caso realmente não possa pagar por uma cota assim, analise a possibilidade de transferir a titularidade junto à administradora do consórcio..

Leia também

Tamanho caçamba Saveiro e Amarok

Medidas caçamba Saveiro A Saveiro está no mercado desde 1982 e sempre foi reconhecida pelo perfil esportivo, principalmente nas versões Summer “quadrada”, TSI “bolinha” e ...

Powered by themekiller.com