Jeep Renegade Trailhawk

1

jeep_renegade_trailhawk_25

Ex-funcionário da General Motors, Walter Chrysler não pode ter imaginado o que sua empresa passaria ao longo de nove décadas. Passou por altos e baixos, fez alianças com japoneses, franceses e alemães, faliu e hoje está sob o comando da Fiat. Quando Sergio Marchionne a comprou, tinha apenas algumas plataformas herdadas da Mercedes-Benz, dois ou três carros de sucesso e muita dívida.

Os italianos da Fiat há pouco tempo estavam livres de uma crise que os obrigou a fazer sociedade com a GM. Nessa época surgiram alguns produtos feitos em conjunto, como a plataforma GM Fiat Small utilizada por Corsa D — posterior ao último vendido aqui — e Grand Punto e alguns motores a gasolina e diesel. No Brasil a GM vendeu motores Família I para equipar linha Palio, Stilo, Punto, Idea e Doblò.



O grupo Fiat-Chrysler Automobiles (FCA) tem apostado bastante nos utilitários esportivos e o Jeep Renegade é o mais acessível deles. Desenvolvido por italianos e americanos, o baby Jeep utiliza uma variação da plataforma GM/Fiat chamada Small Wide 4×4, também utilizada no charmoso 500X e na picape Toro, e é produzido na Itália e em Pernambuco. Até 2015 mais de 150 mil unidades foram vendidas no mundo.

jeep_renegade_trailhawk_31

Apesar da influência italiana na mecânica, o desenho do Renegade ficou a cargo de Detroit mesmo. A inspiração no tradicional Wrangler é evidente, mas sem assumir estilo retrô ou ser caricata. Sua aparência externa é bastante simpática e ao mesmo tempo inspira solidez e valentia, em um meio termo entre HR-V e Duster. Pelo resultado das vendas, deve ter agradado mesmo. O ambiente marcado pelas formas criativas se destaca pelo bom acabamento.

O Renegade agradou bastante o mercado europeu, onde recebe os motores 1.4T, 1.6 E-Torq e 2.0 Multijet II, este o mesmo exportado para equipar a versão brasileira. Aqui há ainda opção pelo 1.8 16V da família E-Torq, que teve origem em uma parceria da Chrysler com a BMW e é produzido no Paraná. Ou seja, no Jeep o motor está mais “em casa” que no Punto, por exemplo.

nextpage_green

1 2 3
JeepRenegade
  • Fórmula Finesse

    Anda pra cacete (retomadas fortes), e a suspensão segura a bronca nas curvas sem causar enjoos no motorista – já os passageiros que se virem. Ótima opção para quem não precisa levar muita tralha de bagagem!

Leia também

Powered by themekiller.com